Busca no Site - site search
"Tenha o cuidado de não se sentir estrangeiro Em nenhuma parte do mundo. Eduque seu filho, desde a mais tenra idade No amor aos horizontes largos. Viva em escala mundial Melhor ainda, universal" (Dom Hélder Câmara)
 

1º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas

Pontifícias Obras Missionárias – Centro Cultural Missionário
Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e a Cooperação Intereclesial
Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada


1º CONGRESSO MISSIONÁRIO NACIONAL DE SEMINARISTAS

Brasília, DF, 4 – 10 de julho de 2010

“A vocação e o compromisso de ser hoje discípulos e missionários de Jesus Cristo na América Latina e no Caribe, requerem clara e decidida opção pela formação dos membros de nossas comunidades, a favor de todos os batizados, qualquer que seja a função que desenvolvem na Igreja”

[Documento de Aparecida 276]


MOTIVAÇÃO

Nestes últimos anos no Brasil, muitos seminaristas maiores revelaram-se particularmente sensíveis à questão missionária. Há cinco anos o Centro Cultural Missionário de Brasília vem organizando cursos de formação missionária, com a finalidade de introduzi-los ao estudo da teologia da missão, mediante a abordagem de questões fundamentais, fortalecê-los em sua consciência missionária e iniciá-los a uma prática evangelizadora próxima, inculturada, com horizonte universal.
Esses cursos se multiplicaram pelos Brasil afora em nível Regional, assim como outras iniciativas tais como missões de férias, jornadas missionárias, eventos de animação missionária envolvendo seminaristas, etc. Em numerosos seminários, surgiram Conselhos Missionários de Seminaristas (COMISEs).
Aparecida convida todo Povo de Deus a assumir decididamente a caminhada latino-americana pós-conciliar, a opção pelos pobres de Medellín (1968) e Puebla (1979), a inculturação e a opção pelos outros de Santo Domingo (1992) e colocar a missão no centro de suas atividades pastorais. Com efeito, ao impulsionar a missão estamos preparando a Igreja no Brasil para “uma nova primavera da missão ad gentes” (DAp 379).
Por ocasião do Ano Sacerdotal, pareceu-nos oportuno promover um evento que fosse avaliação da caminhada feita e articulação, reflexão, compromisso e avanço em vista de uma formação presbiteral profundamente missionária.


OBJETIVO GERAL:

Ajudar os seminaristas do Brasil a assumir a dimensão missionária universal da vocação cristã e presbiteral.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

  • aprofundar as motivações aptas a abrir os seminaristas para o horizonte da missão universal;
  • discutir com os representantes dos seminaristas e formadores o modelo de formação atualmente em vigor à luz das urgências da missão universal e das diretrizes da Igreja.
  • evidenciar o “modo missionário” de viver o ministério presbiteral no mundo de hoje;
  • incentivar a criação e a articulação de Conselhos Missionários de Seminaristas;
  • aproximar as casas de formação da atividade de animação missionária dos Conselhos Missionários Regionais e Diocesanos;
  • suscitar o desejo de realizar eventos missionários para seminaristas em nível regional;
  • promover vocações missionárias ad gentes entre os seminaristas do Brasil.

TEMA: FORMAÇÃO PRESBITERAL PARA UMA MISSÃO SEM FRONTEIRAS.

LEMA: Chamados para estar com ele e enviados (Mc 3,14).

CARTILHA DE PREPARAÇÃO


LOCAL DO CONGRESSO: Seminário Maior Arquidiocesano Nossa Senhora de Fátima – SHIS QI 17, AE, Lago Sul – 71645-200 BRASÍLIA (DF). Tel: (61) 3366.9900


LOCAIS DE ALOJAMENTO:

  • Pontifícias Obras Missionárias: SGAN 905 Conj. B – Tel: (61) 3340.4494
  • Centro Cultural Missionário: SGAN 905 Conj. C – Tel: (61) 3274.3009
  • Centro Cultural de Brasília: Av. L2 Norte, Quadra 601 – Tel: (61) 3426.0446
  • Sociedade São Vicente de Paulo: SGAN 913 Conj. E, Bl. 2 – Tel: (61) 3273.9559
  • Seminário Arquidiocesano: SHIS QI 17, AE, Lago Sul – Tel: (61) 3366.9900


PROGRAMAÇÃO

PRIMEIRO DIA: Domingo – 4 de julho de 2010

19h00 – 20h00: Missa de abertura – Presidida por Dom Dimas Lara Barbosa, Secretário Geral da CNBB.
20h15 – 21h30: Sessão de abertura

21h30 – 22h00: Saída para as residências


SEGUNDO DIA: Segunda feira – 5 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã


08h15 – 09h00: Laudes
09h00 – 10h00: Conferência de abertura:

10h00 – 10h30: Intervalo
10h30 – 12h30: Conferência e debate:

12h30 – 13h30: Almoço
13h30 – 14h00: Animação com vídeo-testemunho missionário
14h00 – 15h30: Mutirões de reflexão
15h30 – 16h00: Intervalo
16h00 – 17h30: Plenário e conclusão
17h30 – 18h00: Intervalo

18h00 – 19h00: Missa com vésperas presidida por Dom Esmeraldo Barreto de Farias, bispo de Santarém, PA, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados.

19h00 – 20h00: Janta
20h00 – 20h30: Intervalo
20h30 – 21h30: Oração do Terço Missionário
21h30 – 22h00: Saída para as residências


TERCEIRO DIA: Terça feira – 6 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã

08h15 – 09h00: Laudes e meditação: Mt 10,1-10

9h00 – 10h00: Painel temático: A GRATUIDADE

  • “Somos Igrejas pobres, mas “devemos dar a partir de nossa pobreza e a partir da alegria de nossa fé”, e isso sem descarregar sobre alguns poucos enviados o compromisso que é de toda a comunidade cristã” (DAp 379)

10h00 – 10h30: Intervalo
10h30 – 12h30: Conferência e debate:

12h30 – 13h30: Almoço
13h30 – 14h00: Animação com vídeo-testemunho missionário
14h00 – 15h30: Mutirões de reflexão
15h30 – 17h30: Jogo da semifinal da Copa do Mundo
17h30 – 18h00: Intervalo

18h00 – 19h00: Missa com vésperas presidida por Dom Pedro Britto Guimarães, bispo de São Raimundo Nonato, PI, membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária.

19h00 – 20h00: Janta
20h00 – 21h30: Plenário e conclusões
21h30 – 22h00: Saída para as residências


QUARTO DIA: Quarta feira – 7 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã

08h15 – 09h00: Laudes e meditação: At 16,6-10

  • Conduzida por Dom Pedro Britto Guimarães, bispo de São Raimundo Nonato, PI, membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária.

09h00 – 10h00: Painel temático: O HORIZONTE

  • “Nosso desejo é que esta V Conferência seja estímulo para que muitos discípulos de nossas Igrejas vão e evangelizem na outra margem. A fé se fortalece quando é transmitida e é preciso que em nosso continente entremos em nova primavera da missão ad gentes” (DAp 379)

10h00 – 10h30: Intervalo
10h30 – 12h30: Conferência:

12h30 – 13h30: Almoço
13h30 – 16h30: Passeio turístico por Brasília
16h30 – 17h30: Hora de Espiritualidade – Pe. Joachim Andrade, SDV
17h30 – 18h00: Intervalo

18h00 – 19h00: Missa com vésperas presidida por Dom Vitório Pavanello, SDB, arcebispo de Campo Grande, MS.

19h00 – 20h00: Janta
20h00 – 20h30: Intervalo

20h30 – 21h30: Apresentação de dança clássica indiana, estilo Bharata Natyam – Pe. Joachim Andrade, SDV
21h30 – 22h00: Saída para as residências


QUINTO DIA: Quinta feira – 8 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã

08h15 – 09h00: Laudes e meditação: Mc 1,35-39

  • Conduzida por Dom Vitório Pavanello, arcebispo de Campo Grande, MS.

09h00 – 10h00: Painel temático: A ARMADILHA

  • “Para não cairmos na armadilha de nos fechar em nós mesmos, devemos formar-nos como discípulos missionários sem fronteiras” (DAp 376)

10h00 – 10h30: Intervalo
10h30 – 12h30: Conferência:

12h30 – 13h30: Almoço
13h30 – 14h00: Animação com vídeo-testemunho missionário
14h00 – 15h30: Mutirões de reflexão
15h30 – 16h00: Intervalo
16h00 – 17h30: Plenário e conclusão
17h30 – 18h00: Intervalo

18h00 – 19h00: Missa com vésperas presidida por Dom Sérgio Arthur Braschi, bispo de Ponta Grossa, PR, membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária.

19h00 – 20h00: Janta
20h00 – 20h30: Intervalo
20h30 – 21h30: Ensaios para Noite cultural
21h30 – 22h00: Saída para as residências


SEXTO DIA: Sexta feira – 9 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã

08h15 – 09h00: Laude e meditação: Jo 10,11-16

  • Conduzida por Dom Sérgio Arthur Braschi, bispo de Ponta Grossa, PR, membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária.

09h00 – 10h00: Painel temático: O COMPROMISSO

  • “O mundo espera de nossa Igreja latino-americana e caribenha um compromisso mais significativo com a missão universal em todos os Continentes” (DAp 376)

10h00 – 10h30: Intervalo
10h30 – 12h30: Conferência:

12h30 – 13h30: Almoço
13h30 – 14h00: Animação com vídeo-testemunho missionário
14h00 – 15h30: Mutirões de reflexão
15h30 – 16h00: Intervalo
16h00 – 17h30: Plenário e conclusão
17h30 – 18h00: Intervalo

18h00 – 19h00: Missa com vésperas presidida por Dom João Brás de Aviz, arcebispo de Brasília.

19h00 – 20h00: Janta
20h00 – 22h00: Confraternização e noite cultural
22h00 – 22h30: Saída para as residências


SÉTIMO DIA: Sábado – 10 de julho de 2010

06h45 – 07h30: Chegada ao local do congresso
07h30 – 08h15: Café da manhã

08h15 – 08h45: Laudes
08h45 – 10h15: Sessão de encerramento

10h15 – 10h45: Intervalo
10h45 – 12h00: Missa de envio
12h00 – 13h00: Almoço


PARTICIPANTES

O 1º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas contou com a participação de 150 – 200 pessoas inscritas. Este número caracteriza o congresso como um momento de encontro, reflexão, partilha, articulação e compromisso, antes de ser um grande evento festivo. Os convidados foram seminaristas a partir do 3º ano de filosofia, representantes dos próprios seminários de origem. Cada Regional da CNBB teve a disposição um número de vagas proporcional ao número de suas dioceses para compor o grupo de participantes de acordo com sua própria realidade eclesial. A inscrição foi feita através dos COMIREs de cada Regional.


ORGANIZAÇÃO

1. As Pontifícias Obras Missionárias, o Centro Cultural Missionário, a Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e a Cooperação Intereclesial e a Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados, promoveram este evento, assumiram sua condução e acolheram os participantes.

2. As Pontifícias Obras Missionárias, o Centro Cultural Missionário e o Seminário Maior Arquidiocesano de Brasília, foram responsáveis pela organização da infra-estrutura, do alojamento, da alimentação e do transporte dos participantes.

3. Os recursos financeiros foram garantidos pelo Secretariado Geral das POM, pelas POM do Brasil e pelos próprios participantes. A taxa de participação foi de R$ 150,00.
 

 

Copyright © 2008 - Missiologia – RELAMI
Todos os direitos Reservados
Malagueta / Br Comunicação