Busca no Site - site search
 
 

Memória, Projeto, Seguimento

MISSÕES POPULARES DA IGREJA NO BRASIL

CNBB, Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Memória, Projeto, Seguimento. Missões populares da Igreja no Brasil. Brasília: Edições CNBB, 2007, 144 p.

Dentre as contribuições da Comissão Episcopal para a Ação Missionário da CNBB ao Projeto Nacional de Evangelização "Queremos Ver Jesus - Caminho, Verdade e Vida" tivemos, ao longo dos anos do Projeto, a publicação de vários subsídios para a realização de Santas Missões Populares, que têm levado muita vida e maior consciência da dimensão missionária a inúmeras Dioceses, de norte a sul do país. Um deles foi: 'desus Nos Visita - Roteiros para a visita às famílias", fruto do 1 0. Semiinário Nacional sobre o perfil das Santas Missões Populares (SMP) (setembro de 2004).

Aproximando-se a celebração da V Conferência do Episscopado latino-americano e caribenho em Aparecida, maio de 2007, cujo tema toca tão de perto a missionariedade da Igreja, celebramos em Belo Horizonte, de 12 a 15 de março de 2007, o 2°. Seminário Nacional sobre Santas Missões Populares, cujas contribuições aqui vão publicadas, na esperança de contribuir para que todas as nossas comunidades se tornem verdadeiramente discípulas e mlsslonárlas de Jesus Cristo, e assim nele nossos povos tenham Vida.

"Rio que caminha e não se cansa, e não volta atrás ... não volta atrás ... " Assim contemplamos nossa Igreja na América latiina e Caribe, após a celebração das Conferências do Rio (1955), Medellín (1968), Puebla (1979) e Santo Domingo (1992), cheganndo aos pés da Mãe Aparecida, e com a presença de nosso Papa Bento XVI, para dar passos à frente no serviço á vida e espeerança de nossos povos sem negar a riqueza das opções já feiitas, mas aberta ao novo, no sopro do Espírito que nos chama a descobrir o chão dos pobres.

Com assessoria de peritos do COMINA e participação de 84 membros de todos os Regionais da CNBB, entre os quais 5 Bispos, numerosos sacerdotes, diáconos, religiosas e sobretudo leigas e leiigos que amam a missão, refletimos sobre 6 modelos de Missões Poopulares utilizados em nosso país, bem como sobre a participação que nelas têm as CEBs, as crianças e adolescentes (Infância e Adoolescência Missionária e outras), bem como a Pastoral da Juventude.

Percebemos pontos em comum, experiências originais, novidades e lacunas. Uma certeza, porém, brotou cristalina: mais do que nunca no século XXI, será da vivência concreta do ser missionário que nossas comunidades haurirão nova vida e enntusiasmo. "É dando que se recebe ... " É testemunhando nossa fé-e construindo sinais çoncretos de vida na caridade dos mutirões, suscitados pelas SMp, que recuperaremos o brilho dos olhos e a alegria de sermos discípulos, que não guardam para si a experiênncia do Ressuscitado.

Além do que aqui é publicado, estamos fazendo chegar às mãos e ao coração de nossos pastores, os Bispos Delegados à Conferência de Aparecida, várias sugestões positivas e preocupaações que surgiram dos trabalhos do 2°. Seminário Nacional.

Oxalá, possam essas contribuições ajudar a fazer desperrtar um novo tempo, em que a Igreja na América se descubra missionária também além-fronteiras, transbordando o ardor das SMP e a experiência profunda do discipulado de Jesus, numa autêntica reedição primaveril do ardor dos tempos apostólicos, versão terceiro milênio!

+ Dom Sergfo Arthur Braschl Bispo de Ponta Grossa (PR) e membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial

 

 

Copyright © 2008 - Missiologia – RELAMI
Todos os direitos Reservados
Malagueta / Br Comunicação